Quinto dia do novenário Cristo Rei

Tema: Matrimônio – imagem da aliança de Deus para com os homens.

Neste quinto dia de novena, o Pe. Ricardo explicou que, Deus concedeu a Adão e Eva estarem próximos a Ele, mas quando estes pecaram se afastaram d’Ele. Sendo assim, desde o início, O Senhor criou o homem e a mulher, para viverem juntos. Todavia, o matrimônio hoje é visto, como algo banalizado e ridicularizado pelo mundo, ainda assim, não deixa de ser um dom aos olhos de Deus e a Ele todos devemos prestar contas um dia. Em razão disso, Cristo amou a sua igreja, assim como, os casais devem se amarem. E, também, o casamento é um caminho de descida, “Kenosis”, com isso, é necessário que os casados morram um pelo outro. Por isso, esse sacramento não é para a felicidade própria e, sim, para a alegria do outro. Contudo, observa que, se o teu olho te levar a pecar, ali já cometeu-se o adultério. Então, deverão lembrar-se daquilo que prometeram no altar, de serem fiéis, na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, até que a morte os separem. Porque, essa promessa foi feita no altar diante de Deus, pois o casamento é um projeto d’Ele e o caminho, para a santidade. Enfim, o Papa Francisco disse três palavras: com licença, por favor e obrigado, as quais podem ajudar no matrimônio e, talvez, seja até uma maneira de salvá-lo. E, dessa forma, como você está correspondendo a este projeto de Deus em sua vida?

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

arrow