Fiéis participam da missa de Quarta-feira de Cinzas

Muitos fiéis participaram da missa da Quarta-feira de Cinzas na comunidade Santa Josefina Bakhita, no Sol Nascente, presidida pelo neo-presbítero Carlos Antônio e com a presença do diácono Daniel Isac.

A Quarta-feira das Cinzas marca o início da Quaresma, 40 dias em preparação para a Páscoa. Segundo padre Carlos, recém-ordenado, este é o período oportuno para que se faça penitência e prepare para a festa da ressureição de Jesus Cristo.

“Penitência é tempo de amar o outro, de nos aproximarmos.  Às vezes, nosso problema é sempre o outro. Nunca somos nós o problema. E assim não conseguimos enxergar no outro Cristo, mas somente a razão. É tempo de mar, de abrirmos nossos corações para amar o próximo e deixarmos ser amado por ele”, falou padre Carlos em sua homília.

Durante a imposição das cinzas úmidas, o padre marca a testa ou a cabeça de cada fiel, pronunciando uma dessas frases: “Lembra-te que és pó e que ao pó voltarás” ou “Convertei-vos e crede no Evangelho”.

Esse gesto traz a reflexão sobre a origem e o fim de cada um de nós e também mostra a importância e a urgência de nossa conversão, de renascermos das cinzas, de deixarmos para traz todo o pecado, pois não sabemos quando iremos partir dessa vida

A Missa de Cinzas marca também a abertura da Campanha da Fraternidade 2018, que este ano traz o tema e lema, respectivamente: “Fraternidade e superação da violência” e “Vós sois todos irmãos” (Mt 23,8).

No mesmo horário (20h) houve missas das imposições das cinzas na matriz e na capela Santa Maria Goretti.

Veja algumas fotos:

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

arrow